Governador Ibaneis Rocha exonera a comandante da PMDF e o chefe da Casa Militar – Agenda Capital

0
190

Cel. Sheyla Sampaio. Foto: Ag. Brasília

A reportagem, o chefe do Executivo confirmou a informação e disse que quem manda na área é o secretário de Segurança, Anderson Torres

Por Redação

O governador do Distrito Federal Ibaneis Rocha (MDB), determinou a exoneração da comandante da Polícia Militar do DF (PMDF), a coronel Sheyla Soares Sampaio, e o chefe da Casa Militar, coronel Marcus Paulo Koboldt. Os substitutos serão definidos ainda nesta terça-feira (06/08/2019). As informações são do site Metrópoles.

De acordo com informações, há um descontentamento do secretário de Segurança, Anderson Torres, em relação à gestão dos militares. “O Distrito Federal tem um secretário competente e preparado e todas as forças estão a ele subordinadas”, disse o governador à coluna.

A falta de alinhamento com os planos e objetivos do governo levou a queda da comandante da Polícia Militar do DF (PMDF) e o chefe da Casa Militar. Segundo o secretário de Segurança Pública, Anderson Torres, o desalinhamento com as ideias do governador Ibaneis Rocha (MDB) tornou a permanência de ambos insustentável.

“Da minha parte, agradeço a coronel Sheyla. Mas houve um desalinho. Por exemplo, temos essa questão do Hospital da Segurança. Essa é uma ideia do governador. O que se gasta hoje com a saúde das forças é, aproximadamente, metade do orçamento do Hospital de Base. E a gente percebia uma certa resistência. Se cada um puxar a corda para um lado, não vamos para lugar nenhum”, pontuou Anderson.

Sheyla Sampaio é a primeira mulher a comandar a PMDF. A coronel integra os quadros da instituição há 27 anos e tem MBA em planejamento, orçamento e gestão pública pela Fundação Getulio Vargas (FGV). Ela foi a primeira colocada no curso de formação de oficiais da corporação, feito em 1994 e, depois disso, ocupou diversas posições de destaque na tropa.

Da Redação com informações do GDF e Metrópoles