STF nega liberação de passaporte de Ronaldinho Gaúcho e Assis – ISTOÉ Independente

0
183

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou o pedido dos irmãos e ex-jogadores de futebol Ronaldinho Gaúcho e Roberto Assis para que seus passaportes fossem liberados, de acordo com informações do UOL.

Segundo a reportagem, os documentos da dupla estão retidos até que o pagamento referente a um processo de crime ambiental seja pago.

Ronaldinho e Assis foram condenados a pagar indenização e reverter danos acausados em áreas de preservação em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. O valor chega a R$ 8,5 milhões.

Com isso, o ex-camisa 10 da Seleção Brasileira segue impedido de viajar pelo mundo para cumprir sua agenda de compromissos, sua principal fonte de renda atualmente.