13 de agosto de 2022



As reuniões do programa Gabinete Itinerante, da Secretaria de Educação, se encerraram nesta segunda-feira (27) com a visita à Coordenação Regional de Ensino (CRE) de Planaltina. Em menos de 30 dias, gestores da pasta estiveram em todas as 14 CREs para ouvir as demandas de cada região do Distrito Federal.

“Foi um mês de andança em todas as regionais. Hoje a gente encerra o ciclo com muita alegria, porque trabalhamos e ouvimos para construir juntos as melhorias necessárias para nossos estudantes”, avaliou a secretária de Educação, Hélvia Paranaguá.

“Foi um mês de andança em todas as regionais. Hoje a gente encerra o ciclo com muita alegria, porque trabalhamos e ouvimos para construir juntos as melhorias necessárias para nossos estudantes”
Hélvia Paranaguá, secretária de Educação

O projeto teve início no dia 30 de maio, com a visita a Sobradinho. Hélvia Paranaguá esteve pessoalmente em todas as CREs junto com os subsecretários e assessores de todos os setores da pasta. O objetivo foi levá-los para dentro das regionais de ensino com o intuito de trabalhar em soluções para as questões levantadas junto aos servidores de cada região.

O coordenador da Regional de Ensino de Planaltina, Bento Alves, destaca a importância da ação para aprimorar a educação. “Nossa CRE vai encerrar esse Gabinete Itinerante deixando registrado que este momento é um acontecimento para que a gente fortaleça nosso trabalho com muitas melhorias de gestão.”

A secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, encerra o Gabinete Itinerante ao lado do coordenador da Regional de Ensino de Planaltina, Bento Alves | Foto: Mary Leal/SEEDF

O dia na CRE de Planaltina foi marcado pela apresentação com cultura de cordel feita pelo grupo de oficinas pedagógicas da Unidade Regional de Educação Básica (Unieb) local.

Trabalho colaborativo

Antes de Planaltina, a última cidade que recebeu o Gabinete Itinerante foi Ceilândia, que possui o maior número de alunos do DF, com 84 mil estudantes matriculados. “Cada regional tem uma realidade diferente e esse projeto é importante para aproximar a secretaria de cada uma delas”, ressaltou o coordenador da Regional de Ensino de Ceilândia, Carlos Ney.

A secretária de Educação avalia que o trabalho colaborativo entre a administração central junto com as CREs fortificou todo o grupo. “Tenho certeza que nossa equipe sai bem mais fortalecida e preparada para construir soluções com o olhar no estudante e numa educação pública de qualidade”, conclui.

*Com informações da Secretaria de Educação do DF

The post Coordenações de ensino buscam soluções para desafios da educação appeared first on Agência Brasília.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.