9 de agosto de 2022


Nesta sexta-feira, dia 22 de julho, o jornalista especialista em análise política Jr Guzzo comentou sobre as últimas decisões do STF. Em resumo, o jornalista condenou a proibição de falar ou publicar publicações que ligam Lula e PT ao PCC. Ou seja, uma declarada censura.

“É um claro abuso de poder, uma censura inaceitável e um facciosismo incontestável”,diz o jurista Adilson Dallari sobre a proibição de se falar nas redes sociais a respeito das ligações de Lula e PT com o PCC. O despacho deveria terminar com a expressão: ‘PT saudações.” Disparou o especialista em política.

Você pode gostar de: Jornalista militante da CNN debocha de outra decisão do STF contra conservadores

Para especialista Alexandre de Moraes age como inimigo declarado de Bolsonaro

O especialista não parou apenas na proibição absurda de Alexandre de Moraes, também analisou as decisões do magistrado contra o Chefe do Executivo que demonstram ser imparciais. Além disso, afirmou que Moraes faz papel de militante do ex-presidiário Lula.

Confira: Casa Verde e Amarela: Caixa aumenta faixas de renda para o Programa

“O ministro Moraes dá a entender todos os dias, pelas decisões oficiais que está tomando, que não é imparcial. Ao contrário: age como inimigo aberto de um dos candidatos, o presidente da República, e como militante também aberto do seu adversário.” Escreveu JR Guzzo que trabalha para a Revista Oeste.

Talvez você goste: Tabata Amaral perde a linha e parte para ofensas contra Eduardo Bolsonaro “frouxo, covarde”

Source link



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.