12 de agosto de 2022


O headset de realidade mista da Apple está envolto em rumores há meses, e um novo relatório de Mark Gurman, da Bloomberg, indica que ele pode vir com o principal processador M2 da Apple. De acordo com Gurman, a versão mais recente do dispositivo da Apple, que supostamente é capaz de oferecer experiências de realidade aumentada (AR) e realidade virtual (VR), inclui um chip M2 básico e 16 GB de RAM.

Isso se desvia da previsão anterior do analista da cadeia de suprimentos Ming-Chi Kuo, de que o aparelho da Apple terá um processador com os recursos de um chip M1 e um processador de baixo custo adicional dedicado a lidar com dados dos sensores do dispositivo. Embora Gurman não mencione o suposto chip secundário neste relatório, uma configuração de vários chips também foi divulgada em um relatório anterior do The Information.

publicidade

Se a Apple originalmente planejava usar o M1 como processador principal do headset, faz sentido que a empresa o troque pela iteração mais recente de seu chip interno. A Apple anunciou o novo chip M2 em sua Worldwide Developers Conference (WWDC) no início deste mês e diz que oferece uma CPU 18% mais rápida e GPU 35% mais rápida quando comparado ao chip M1 mais antigo.

Rumores do formato autônomo do dispositivo também começaram a surgir, e a previsão de Gurman de que deve incluir 16 GB de RAM pode indicar um nível de desempenho potencialmente mais poderoso do que o Meta Quest 2 all-in-one, com 6 GB de RAM e a plataforma Snapdragon XR2. Por isso será interessante ver qual vai ser a comparação com o gadget da Apple quando finalmente for lançado.

Leia mais:

Houve sinais de que o headset da Apple está se aproximando da janela de lançamento de janeiro de 2023. O conselho de administração da Apple supostamente teve a chance de experimentar a novidade em maio. O RealityOS, o sistema operacional que o headset supostamente vai usar, também apareceu no código da Apple e em um pedido de marca registrada provavelmente registrado pela empresa.

Na semana passada, o CEO da Apple, Tim Cook, confirmou a existência do headset quando disse aos entrevistadores do China Daily: “fiquem atentos e verão o que temos a oferecer” no espaço de realidade mista.

Via: The Verge

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Source link





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.